Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Texto Crú

Texto Crú

Perto da praia

por Paulo Vinhal, em 04.06.16

 

7925595_150ddbd7_560.jpg

Trago dentro da dor um mundo de cinzas, a textura das pedras e o vinil do metal das facas. Passo dias seguidos a escutar os rumores dos sons surdos do mundo, entranhados em todas as coisas. Os meus braços circundam-te, meu amor. Ainda usas o mesmo chapéu. O único que te dei. Confessei-me nesse dia, apesar do aspeto do tempo. Entreguei-me ao chão e ao silêncio cego da esfera da vida, com estas palavras que me esmagam as mãos. O dia, o chapéu e a vida, imutáveis na sua essência, transformaram-se só para nós, embora não tenhas visto. Foi perto da praia, junto ao muro que separa a estrada do arvoredo.

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D